CEP - Controle Estatístico de Processo
Outubro/2009
Empresa em equilíbrio

A arte de motivar pessoas, lidar com suas ansiedades, controlar seus medos e fixar objetivos comuns são habilidades necessárias para a atualidade.

Outro conceito que também se torna fundamental são questões como o gerenciamento de tecnologias e processos de trabalho, pois estes garantem o conjunto da qualidade final do produto ou serviço prestado. Devem ser colocados de forma visível bem antes do fechamento de novos contratos, pois dessa forma irão promover uma diferença visual para o cliente que precisa escolher entre duas empresas.

Para se ter um resultado positivo das tecnologias existentes no mercado como os softwares de gestão integrada é preciso antes ter os processos de trabalho desenhados e padronizados para garantir uma metodologia de trabalho adequada a ser informatizada, pois caso contrário poderá descobrir o que significa informatizar o erro...

Após tal trabalho será ainda necessário um investimento significativo em tecnologia juntamente com o desempenho do empresário em medir as atividades para que tenham um foco no negócio.

Esse mesmo empresário descobrirá em meio a tais atividades que com a tecnologia e processos definidos, são as pessoas que farão ambos funcionarem promovendo o sucesso de qualquer projeto. Portanto, fica a importância que a gestão de pessoas representa para a empresa.

Trabalhar com pessoas significa ter de construir colaboradores integrados na estrutura empresarial para exercerem seu profissionalismo.

Dessa forma podemos colocar que o equilíbrio de uma empresa é o resultado da integração entre as formas de trabalho (processos), das tecnologias existentes que proporcionam velocidade e das pessoas que movem e são o sentido de tudo.


doutorcep@datalyzer.com.br
Dispersão ou Variação

É a maior ou menor diversificação dos valores de uma variável em torno de um valor de tendência central (média ou mediana) tomado como ponto de comparação.

A média, ainda que considerada como um número que representa uma série de valores, não pode, por si mesma, destacar o grau de homogeneidade ou heterogeneidade que existe entre os valores que compõem o conjunto.

Grau de homogeneidade – o quão afastado estão os dados em torno da média da distribuição.

Exemplo 1: Para que fique mais claro este conceito, atente para a seguinte situação:

Suponha que você trabalhe numa empresa com vários núcleos em diferentes cidades do Brasil. De repente você recebe uma promoção e será transferido para uma outra cidade, que você poderá escolher entre três diferentes. Sendo a temperatura amena, o fator que mais lhe agrada numa cidade, você questiona sobre esta informação a respeito das cidades que você deve escolher. Então te dão as seguintes informações:

Cidade X – Temperatura média = 20°C
Cidade Y – Temperatura média = 20° C
Cidade Z – Temperatura média = 20° C

Com esta informação, seria indiferente a cidade a se escolher, pois todas apresentaram o mesmo comportamento médio! Mas, curioso com este resultado, você procura saber um pouco mais sobre as temperaturas de cada cidade. Então descobre que as temperaturas medidas em horários fixos ao longo de 1 dia, variam da seguinte maneira para cada localidade:

Cidade X = {-5, 20, 45, 30, 10}
Cidade Y = {20, 20, 20, 20, 20}
Cidade Z = {18, 20, 22, 26, 14}

Observamos então que as três cidades apresentam a mesma média aritmética de temperatura:

Entretanto, é fácil notar que as temperaturas da cidade Y são mais homogêneas que as temperaturas das cidades X e Z, já que todos os valores são iguais à média. O conjunto Z, por sua vez, é mais homogêneo que o conjunto X, pois há menor diversificação (variação) entre cada um de seus valores e a média representativa.

Concluímos então que o conjunto Y apresenta dispersão nula e que o conjunto Z apresenta uma dispersão menor que o conjunto X.

Exemplo 2: Compare as notas de duas turmas numa mesma prova de estatística (fictício). Suas variações em torno de suas médias:

O primeiro gráfico mostra uma variação menor dos dados em torno da média (mais homogênea).

O segundo gráfico apresenta uma maior variabilidade ou maior dispersão (menos homogêneo).

Fonte:

• Cep Training Megabyte.

Até o próximo mês pessoal!

http://www.datalyzer.com.br