CEP - Controle Estatístico de Processo
Ano IV - Nº 48 - Dezembro/2007
Como se pode avaliar a gestão de sua empresa?

Segundo Marcos Antonio Lima de Oliveira, diretor da Qualitas, o que diferencia uma empresa de um concorrente bem-sucedido é a forma de sua gestão, pois, desde os fornecedores até a mão-de-obra, as empresas são semelhantes: profissionais de mesmo perfil, equipamentos e instalações similares e matéria-prima de mesma procedência. O autor afirma que toda a diferença está na forma como as empresas são gerenciadas.

Satisfazer os clientes é o principal objetivo. Para isso, é necessário conhecer suas necessidades atuais e futuras, e fornecer produtos e serviços de qualidade, a preços competitivos em relação aos concorrentes.

Isso só é possível quando os colaboradores são qualificados em conhecimento, motivação e relacionamento, que resultam de um processo seletivo adequado e treinamentos para aperfeiçoamento do perfil profissional.

Para oferecer os produtos e serviços a um preço competitivo, a empresa precisa reduzir desperdícios e retrabalhos. É necessário identificar todos os erros que ocorrem no processo, analisar suas causas e tomar as providências que evitem a sua repetição.

Para haver qualidade, é necessário que todas as atividades relacionadas diretamente com a qualidade do produto ou serviço sejam padronizadas. Esses padrões devem ser desenvolvidos em parceria com os colaboradores, que poderão expor suas experiências para a empresa desenvolver métodos que atinjam suas necessidades práticas. É preciso criar uma sistemática para atualizar periodicamente esses padrões de forma a incorporar novas técnicas que sejam desenvolvidas.

Para o sucesso da empresa, é necessário implantar indicadores para avaliar, periodicamente, os pontos mais importantes que afetam os produtos ou serviços. Esses indicadores devem avaliar todos os processos que são utilizados pela empresa: produção/prestação de serviços, recursos humanos, compras, comercial, financeiro, qualidade, etc. Normalmente, esta avaliação é feita periodicamente pela direção, envolvendo alguns colaboradores-chave. Todas as avaliações devem ser divulgadas aos colaboradores, comparando os resultados com as metas estabelecidas, de forma a obter o comprometimento para atingir as metas projetadas.

O fornecimento de matéria-prima também deve ser avaliado. Deve ser criado um procedimento para realização de compras para que a seleção seja feita de forma adequada.

Para concluir a avaliação, devem ser realizadas pesquisas com os clientes. Isso permitirá à empresa introduzir melhorias nos pontos que forem identificados por eles.

Há quase 20 anos, foi desenvolvida uma metodologia que permite implantar um processo de gestão em qualquer tipo de empresa, de qualquer porte. Trata-se da metodologia ISO 9001, que é aplicada em mais de 660 mil empresas de todo o mundo, segundo dados de dezembro de 2004.

Algumas empresas chegam até a exigir a implantação dessa metodologia em seus fornecedores.

A metodologia ISO 9001 pode ser usada por qualquer empresa para avaliar como está o seu processo de gestão, independente de buscar uma certificação.

Essa metodologia apresenta algumas vantagens. As áreas de apoio (compras, recursos humanos, almoxarifado, etc.) passam a ter um tratamento similar às áreas de produção e comercial. A empresa passa a ter uma reunião periódica para analisar os resultados e os indicadores do negócio. Quando as metas não são atingidas, são definidas as ações. Todas as áreas passam a ser avaliadas por funcionários da própria empresa, os auditores internos e a empresa implantam uma sistemática para tratar dos problemas identificados, com proposição de ações corretivas.

    Fonte:
  • Marcos Antonio Lima de Oliveira, Banas Qualidade, Julho/07. p. 54

 


doutorcep@datalyzer.com.br
Cálculo do Índice PPM

Introdução

Conforme vimos no mês passado os conceitos que envolvem o índice PPM (Partes Por Milhão), apresentamos neste informativo o cálculo deste índice.

O índice PPM é calculado baseado nos limites de especificação e na curva de distribuição dos dados, ou seja, é uma estatística de quantas não-conformidades podem ocorrer em um milhão.

O PPM resulta da soma das não-conformidades que estão abaixo do Limite Inferior de Especificação e as não-conformidades que estão acima do Limite Superior de Especificação

PPM Superior = 1.000.000 * (1 - F(LSE))

PPM Inferior = 1.000.000 * F(LIE)

    Onde:
  • F(X) é o coeficiente da distribuição usada;
  • LIE é o Limite Inferior de Especificação; e
  • LSE é o Limite Superior de Especificação.

PPM Total = PPM Superior + PPM Inferior

Nesse ponto, vale o estudo da distribuição dos dados de seu processo.

Um ótimo Natal para você e toda sua família. A equipe Datalyzer deseja-lhe muito sucesso no ano de 2008.

Até o ano que vem!

http://www.datalyzer.com.br